Bem Vindo à Guitanda!

Violão Tessarin 2007 SP/BR (VENDIDO)

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Esgotado

R$0,00

Descrição Rápida


(VENDIDO)


Tessarin no.538 - Usado

Condição: Muito Bom, marcas superficiais no verniz do tampo

Tampo: Abeto envelhecido (sólido)

Fundo e laterais: Jacarandá baiano envelhecido(sólido)

Acabamento: Goma-Laca no tampo, PU no corpo

Tarraxas: Gotoh 510 (novas)



* Selecione a opção "Com desconto: via depósito ou cheque ou dinheiro" ao finalizar a compra, e o desconto será aplicado antes da confirmação de fechamento do pedido

Frente

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

  • Frente
  • Diagonal
  • Lateral
  • Fundo
  • Roseta e escala com traste 20
  • Mão
  • Detalhe das tarraxas
  • Detalhe das tarraxas
  • Cavalete com rastilho ajustável
  • Detalhe do corpo
  • Detalhe do fundo
  • Selo
  • Violão, estojo AMS e rastilhos extras

Detalhes

Antonio Tessarin 2007 no.538:

(VENDIDO)

O luthier paulista Antonio Tessarin é renomado por seus instrumentos responsivos de timbre tradicional e sofisticado. E também renomado por seu detalhismo e obsessão na busca pela perfeição. Este instrumento, de 2007, é um exemplar que sintetiza essa fama, com sonoridade tradicional, primas com timbre singelo e transparente, e bordões definidos, presentes e muito articulados.

O luthier utilizou grandes madeiras neste instrumento, com um tampo de abeto envelhecido, que confere uma sonoridade madura ao violão. O fundo e laterais são de jacarandá baiano, uma madeira reconhecidamente excepcional para luteria, com profundidade de graves e corpo sonoro. Reparem no sentido paralelo dos veios da madeira no fundo, mostrando um corte radial, com grande estabilidade. Se trata de um modelo superior, acima da média entre os instrumentos do Tessarin que temos analisado.

O verniz no fundo e laterais é poliuretano (PU), o que confere grande proteção, e no tampo, o verniz é goma-laca, para possibilitar o máximo desempenho de sonoridade.

Escala de ébano, com o vigésimo traste, permitindo alcançar a nota dó aguda.

Cavalete de jacarandá, com rastilho de ação ajustável (basta mover o rastilho de um lado a outro para variar a altura das cordas). Acompanha também 2 rastilhos extras, de diferentes alturas, para o perfeito ajuste ao toque do comprador.

Inclui estojo térmico usado da marca AMS, em bom estado de conservação.

O estado do violão é muito bom, com apenas algumas marcas superficiais no verniz do tampo. No mais, a condição estética é excelente, e a qualidade de construção intacta.

Resumo:

Pontos fortes: timbre rico e sofisticado, graves excelentes, alta qualidade de construção, projeção nítida, resposta refinada a variações de colorido.

Pontos fracos: volume médio de concerto (considerando universo de luteria), risco de graves potentes em excesso.

Conclusão: Um violão adequado para aqueles que buscam qualidade sonora e sutilezas de colorido. A construção é soberba, com ótima afinação, boa tocabilidade e amadurecimento muito promissor ao longo do tempo. É um instrumento de concerto, mas com um volume que pode necessitar de amplificação em teatros maiores, tal qual a grande maioria dos instrumentos de luthier de construção tradicional. Permite música de alta qualidade, com riqueza de sonoridade e nuances de interpretação. O preço está muito atrativo, um valor bem abaixo do praticado pelo luthier nesse modelo.

Informações Adicionais

Especificações Não

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.