Bem Vindo à Guitanda!

Violão Lucio Jacob 2010 SP/BR "Byers" (VENDIDO)

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Esgotado

R$0,00

Descrição Rápida

(VENDIDO)


Lucio Jacob 2010 - Usado

Violão Clássico


Condição: estrutural (5/5), estética (3,5/5)

Tampo: Abeto europeu (sólido)

Fundo e laterais: Jacarandá baiano (sólido)

Escala: Ébano, elevada, 20 trastes

Acabamento: PU corpo e Goma Laca tampo

Tarraxas: Condor

Comprimento de corda: 650mm

Espaçamento de cordas pestana/rastilho: 42/59 mm




* Selecione a opção "À vista: depósito, cheque, dinheiro" ao finalizar a compra, e o desconto será aplicado antes da confirmação de fechamento do pedido 


Diagonal

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

  • Frente
  • Diagonal
  • Lateral
  • Fundo
  • Mão: frente
  • Tarraxas Condor
  • Mão: costas
  • Escala elevada
  • Roseta e cavalete
  • Detalhe: roseta e filetaçao
  • Estojo AMS
  • Selo

Detalhes

Violão Clássico Lucio Jacob 2010, modelo Byers:
 
(VENDIDO - nos escreva para encomendar um Lucio Jacob)

O luthier mineiro Lucio Jacob faz parte de um núcleo muito forte de luteria que tem se desenvolvido no sul de Minas desde a década de 1990. O Lucio Jacob tem, a partir de meados de 2005, tido seu trabalho reconhecido progressivamente como sério e competente, e tem angariado cada vez mais fãs no mercado brasileiro.
 
Este modelo, construído no estilo desenvolvido pelo luthier norte-americano Gregory Byers, é um instrumento que mostra a versatilidade do Lucio Jacob, com tampo de abeto europeu (também conhecido como pinho) com mais de 20 anos de corte, fundo e laterais de jacarandá baiano, e construção que mistura o método tradicional com certa inovações estruturais. A principal delas, é a estrutura interna do tampo, que é um híbrido de leque tradicional com o sistema em treliça, mais típco de instrumentos modernos. Metade das varetas que compõem a estrutura são fixas ao tampo apenas nas suas extremidades, com o miolo delas flutuando sobre o tampo (na parte de dentro) e se apoiando sobre a outra metade das varetas. Isso visa criar um equilíbrio entre a resistência estrutural e uniformidade da estrutura em treliça, com a manutenção da liberdade de vibração no tampo. Assim, mantém-se uma sonoridade equilibrada, cheia, e potente.
 
A sonoridade, a propósito,  é realmente bastante equilibrada, e tende a tons mais escuros, com boa dose de frequências graves na sua composição. É um timbre profundo e sério, pastoso e encorpado. O seu ataque é pronunciado, e sua sustentação boa, o que gera um quê de articulação no som. Os graves são bastante nítidos e profundos e as primas vigorosas e macias, ao mesmo tempo escuras e nítidas. Mantém, além dessas características, boa dose de projeção, com uma ponta de brilho no som, e forte presença da frequência fundamental.
 
O volume é bom, e a projeção bastante focada e definida. O desempenho em palco é bastante adequado. A resposta dinâmica é bem precisa nas suas nuances, e a resposta tímbrica é boa, apesar de não ter um nivel particularmente alto de detalhamento. Por outro lado, é muito fácil produzir uma sonoridade uniforme, com escalas e arpejos equilibrados.
 
A tocabilidade é muito boa, o braço tem o formato de C suave, arredondado mas não muito, para melhor apoio do polegar esquerdo. A escala é elevada, e propicia excelente acesso da mão esquerda às notas sobreagudas, e dá mais liberdade para a mão direita em rasgueios e outros movimentos, uma vez que as cordas ficam mais longe do tampo, que corre menor risco de ser atingido.
 
O verniz utilizado é o poliuretano (PU) no corpo e goma-laca no tampo, o que confere proteção e sonoridade. Escala elevada de ébano, braço de mogno.
 
A parte estética tem detalhes de muito bom gosto, mas não é perfeita. Principalmente no encaixe do braço an junção do corpo, é possivel perceber ainda as emendas. Porém, no geral, é um instrumento que causa impacto positivo visualmente. No verniz do tampo existem diversas marcas uso superficiais, e alguma marcas leves também no PU do corpo. Nada que tenha afetado as madeiras, mas somente na superficie.
 
Inclui estojo térmico da marca AMS
 
Condição:
- estrutural: 5/5. Excelente estado, é um violão jovem.
- estética: 3,5/5. O instrumento possui marcas superficiais no tampo, e no corpo.
 
Resumo:
 
Pontos fortes: Timbre encorpado e bem projetado, baixos profundos. Ótimo desempenho em equilíbrio. Boa tocabilidade, volume, projeção, sustentação. Um violão que tem um conjunto muito forte de atributos no geral.
 
Pontos fracos: Variação de timbre boa, mas não ótima. Alguns detalhes estéticos de acabamento imperfeitos.
 
Conclusão: Um violão pronto para concerto, numa faixa de preço muito atrativa pela qualidade. Tem um desempenho com bastante regularidade em todos os quesitos, e bastante forte no seu equilíbrio. Seu timbre escuro e graves profundos o faz muito adequado para transmitir sobriedade e cantar melodias de forma expressiva. Com certeza uma excelente compra, e altamente recomendado para profissionais e estudantes que necessitam de um instrumento para uso profissional nessa faixa de valor. 

Informações Adicionais

Especificações Não

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.